novembro 06, 2007

Literatura Sob os Jacarandás

De volta depois de um sumiço temporário, é claro. Muitas coisas acontecendo, final de ano se aproximando, mas hoje vim postar sobre a nossa Feira do Livro. As informações foram tiradas do site da Feira do Livro de Porto Alegre. Conheçam, se puderem venham descobri-la pessoalmente ou, então, dêem uma chegada na livraria mais próxima. Ler faz bem.
História
A primeira edição da Feira do Livro de Porto Alegre ocorreu em 1955. No dia 16 de novembro, foram inauguradas as 14 barracas de madeira montadas em torno do monumento ao General Osório. Conheça um pouco da história do evento.

A Feira do Livro de Porto Alegre é uma das mais antigas do País. Sua primeira edição ocorreu em 1955 e seu idealizador foi o jornalista Say Marques, diretor-secretário do Diário de Notícias. Inspirado por uma feira que visitara na Cinelândia no Rio de Janeiro, Marques convenceu livreiros e editores da cidade a participarem do evento.
O objetivo era popularizar o livro, movimentando o mercado e oferecendo descontos atrativos. Na época, as livrarias eram consideradas elitistas. Por esse motivo, o lema dos fundadores da primeira Feira do Livro foi: Se o povo não vem à livraria, vamos levar a livraria ao povo.
A Praça da Alfândega era um local muito movimentado na Porto Alegre dos anos 50 e de 400 mil habitantes. E, no dia 16 de novembro de 1955, era inaugurada a 1ª Feira do Livro, com 14 barracas de madeira instaladas em torno do monumento ao General Osório.
Na segunda edição do evento, iniciaram as sessões de autógrafos. Na terceira edição, passaram a ser vendidas coleções pelo sistema de crediário. Nos anos 70, a Feira assumiu o status de evento popular, com o início da programação cultural. A partir de 1980, foi admitida a venda de livros usados. E, na década de 90, a Feira conquistou grandes patrocinadores, estimulados pelas leis nacional e estadual de incentivo à cultura.
A infra-estrutura foi ampliada e modernizada, os eventos culturais se consolidaram e a Feira passou a receber grandes nomes do mercado editorial brasileiro e internacional. Saiba mais sobre a história da Feira na obra A Feira da Gente - Feira do Livro de Porto Alegre 50 anos, de Walter Galvani (Câmara Rio-Grandense do Livro - 2004).

53ª Ediçãoda Feira do Livrode Porto Alegre
Todas as emoções estão aqui. Com esse slogan, a Câmara Rio-Grandense do Livro convida todos para a 53ª edição da Feira do Livro de Porto Alegre. O evento inicia no dia 26 de outubro, e segue até o dia 11 de novembro, ocupando diferentes espaços no Centro da cidade. Saiba outros detalhes sobre o evento e participe.

A Feira do Livro de Porto Alegre é um dos eventos mais populares do Estado. Em 2005, estendeu seus domínios da Praça da Alfândega até o Cais do Porto. Chegando à sua 53ª edição, o evento consolida as conquistas e promove, cada vez mais, o incentivo e a difusão do hábito de ler.
De 26 de outubro a 11 de novembro de 2007, a maior feira de livros a céu aberto da América Latina vai ocupar espaços como Praça da Alfândega, Memorial do Rio Grande do Sul, Casa de Cultura Mario Quintana, Santander Cultural, Centro Cultural CEEE Erico Verissimo e Cais do Porto.
A Área Infantil e Juvenil funciona com horário diferenciado, das 9h às 21h. No Cais do Porto, ela ocupa os armazéns A e B, o Pórtico Central e a faixa existente entre esses espaços e o Guaíba. O restante da Feira do Livro funciona diariamente no horário tradicional, das 13h às 21h.
Em 2007, serão 17 dias de livro na praça. A Feira deste ano tem 171 expositores livreiros inscritos: 118 na Área Geral, 33 na Área Infantil e Juvenil e 20 na Área Internacional.
Outros estandes serão ocupados por patrocinadores, apoiadores e veículos de comunicação, e a Feira também conta com estandes na Praça de Alimentação.
Até Mais!!!

3 comentários:

DO disse...

Muito obrigado pela lembrança,DENISE.

beijos e uma otima semana

Vivi disse...

Amo livrs e amo mais ainda feira de livros...É um paraíso!

Bjokas maiga

Janaina de Almeida disse...

Adoro ler, só não leio mais porque estou lendo livros para estudar, tive que dar um tempo.Quando tiver aoportunidade de visitar o Sul,com certeza irei à esse Feira do Livro.
Beijos, faz tempo que não venho aqui, quando puder visite minha nova casa, beijos.